quinta-feira, 29 de junho de 2017

Parte I.

Livros.

vivendo palavras,
a vida dela se deu.
colecionou histórias de amor
ao longo de toda vida 
até aqui.

-

houve de tudo: 
conheceu o homem dos seus sonhos.
(ela sonhou com ele e ele apareceu no dia seguinte, com unhas pintadas e o brilho no olho mais bonito que ela já havia visto até ali);

conheceu o príncipe da festa.
(um dia uma sábia lhe contou que o príncipe dela viria lhe resgatar naquela festa, e eles viveriam felizes para sempre - até que a traição os separassem);

conheceu o romântico ciumento.
(era quase um livro de auto-ajuda: veio pra ensinar como um relacionamento tem que ser, ao mostrar como não se deve ser através dos exemplos de possessão, ciúmes e obsessão);

conheceu o cara certo pra casar.
(aquele que passou por uma doença grave e mesmo assim era só sorriso, rodeado por uma família que você queria chamar de sua);

conheceu a vida de amores breves.
(contos curtos de amor verdadeiro);

conheceu o psicopata suicida.
(estranho, falso-româncico, ambicioso, hipócrita, bipolar, manipulador, depressivo, agressivo, devastador, doente - um falso-amor que não passou de nada além de uma maldita pedra no sapato);

conheceu o homem do futuro.
(uma comédia romântica dentro do maior coração do mundo, com super heróis e a melhor trilha sonora que você pode imaginar).

conheceu o homem com um passado carregado,
e mesmo assim: com o sorriso mais lindo do mundo,
achou ele (per)feito pra ela.

-

colecionou histórias de amor
ao longe do toda vida 
até aqui. 
agora,
vivendo nas histórias de amor
a vida dela se dá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário