quinta-feira, 26 de março de 2009

mulher desiludida

Tudo era azul sobre as nossas cabeças e sob nossos pés; percebia-se através do estreiro da costa africana. Ele me aperta em seus braços. "Se você me enganasse, eu me mataria" - "Se você me enganasse eu não teria necessidade de me matar. Eu morreria de tristeza." Isto faz quinze anos. Já? O que são quinze anos? Dois mais dois são quatro. Eu amo. Só amo você. A verdade é indestrutível, o tempo não altera.



(de dias atrás...)

Um comentário:

  1. eu nao acredito mais em um amor q faz querer morrer. rs...pelo contrario.

    ResponderExcluir