domingo, 1 de agosto de 2010

alguém

Quando eu penso em você, e que isso não soe piegas: quando a gente tá vivo a gente não fica lembrando que tá vivo, apenas vive. Quando se morre é que se lembra de quando se vive. Você é meu "apenas vive". Todos os dias e não se pula um. Você poderia ser um pouco mais odioso ou um pouco menos amoroso, assim te veria mais ser humano, e não esse sonho que é. Eu poderia nunca mais ver você? Poderia, mas eu não quero.

Por isso eu gosto.

4 comentários:

  1. tum tum... tum tum.. ta ouvindo?! o q é?! será um coracão apaixonado batendo?! rs

    ResponderExcluir
  2. Nossa!! Realmente ein!!

    Seja lá para quem for, é um alguém de muita sorte!!

    E se não for para ninguém não importa!

    Ficou muuuito bom!!

    Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. e você ta ficando assim, toda feliz, né?
    que bom ver você bem de novo!

    ResponderExcluir