domingo, 13 de maio de 2012

Olhar fundo e ver você até você me olhar fundo e me ver

Você não tem nem ideia do tanto de coisa que cabe dentro do meu olhar. Todas as palavras que tem em cada micro pedacinho dos desenhos que rodeiam minhas pupilas e lá dentro delas. E sabe menos ainda das palavras que eu queria dizer com a boca, mas só existem aqui, nessas esferinhas que me apresentam ao mundo, e a você. 
E é por acaso possível você saber de tudo que penso e que quase penso e do que nem cabe nos meus pensamentos quando olha no buraquinho negro que tem nesse meu globo ocular? É possível você saber, algum dia, do desejo imenso que minha retina tem de saltar pra fora de mim e te prender aqui dentro, pra eu nunca mais parar de te ver e de me ver nesse espelho que tem aí em você?

Um comentário:

  1. Como sempre, suas palavras fazem a gente se sentir dentro do texto. Olhares significam mais do que mil palavras! Adorei o texto.

    ResponderExcluir